Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Mercado Dólar opera em queda, abaixo de R$ 3,10

Dólar opera em queda, abaixo de R$ 3,10

BC voltou a atuar no mercado com a oferta de até 8 mil swaps cambiais. Na véspera, moeda dos EUA caiu pelo 5º dia seguido e fechou a R$ 3,106.

O dólar opera em baixa nesta terça-feira (16), após o Banco Central voltar a atuar no mercado cambial e com o cenário externo, segundo a Reuters

Às 13h09, a moeda norte-americana caía 0,48%, vendida a R$ 3,0911. Veja a cotação.

"O BC abre espaço para o dólar cair mais e, com isso, também o caminho para cortar mais os juros. O estrangeiro se anima e traz dinheiro para o país", afirmou o operador da corretora Mirae Olavo Souza à Reuters.

O BC anunciou na noite passada a oferta de até 8 mil swaps cambiais para esta sessão, sinalizando que quer rolar integralmente o vencimento dos contratos que vencem em junho, que totalizam US$ 4,435 bilhões de dólares.

O dólar mais barato reduz a pressão sobre a inflação e favorece o trabalho de política monetária do BC, com reduções da Selic. Com a percepção de juros menores no futuro, os investidores se antecipam e trazem recursos para aproveitar a taxa mais elevada agora. A Selic está em 11,25% ao ano.

O recuo da moeda norte-americana, no entanto, era contido porque atraía compradores no patamar de R$ 3,09. "Uma justificativa para o dólar cair abaixo desse nível seria o governo aprovar a (reforma da) Previdência ainda este mês, e parece que ele está trabalhando bem e pode conseguir fazer isso", comentou o diretor da Correparti Corretora, Jefferson Rugik, à Reuters.

A reforma da Previdência é considerada essencial para colocar as contas públicas em ordem.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que deve anunciar nesta semana a data para a votação da reforma em plenário da Casa. Já o presidente Michel Temer, disse na véspera que talvez seja possível votar a reforma na última semana deste mês.

O recuo do dólar ante o real também era influenciado pelo desempenho da moeda norte-americana no exterior, onde atingiu nova mínima de 6 meses ante uma cesta de moedas após o dado de início de construções nos Estados Unidos abaixo das expectativas.

Na véspera, o dólar fechou em queda pelo 5º dia seguido. A moeda caiu 0,58%, a R$ 3,106 na venda. Este foi o menor patamar de fechamento desde 17 de abril (R$ 3,1044). Em maio, o dólar acumula queda de 2,17%. No ano, há baixa de 4,42%.

Leia notícia na integra aqui.

Fonte: http://g1.globo.com/economia/mercados/noticia/cotacao-dolar-160517.ghtml

Ações do documento